Мария Есперанса (Maria Esperança)

Maria Esperança

Bárbara Paz

Maria, Maria...
Meu nome é Maria como tantas são
Que se entregam como eu, de coração
E na palma da mão corre a linha da vida
Parecida com outras vidas
Cuida de você, que eu sei cuidar de mim
Só quem nasceu como eu pode entender o que sinto
Fui abandonada e a vida é que me fez assim
Não tenho medo de nada, eu enfrento o perigo
Nascida pra servir você, foi sem querer
Que a sorte mudou
Mas a felicidade eu sei, eu procurei
E o dinheiro não comprou
Maria, Maria, sempre a seu dispor
Esse ritmo me faz sonhar um novo amor
Maria, Maria, sempre a seu dispor
Essa dança é que alivia toda a minha dor...